Professora de Ibiporã está entre os 50 finalistas do prêmio Educador Nota 10

  • 11 de julho de 2019

A professora Josilaine Corcóvia está concorrendo ao Prêmio Educador Nota 10 com o projeto “Aquífero Guarani: Um tesouro escondido”. Mestre em Geografia e graduada em Pedagogia, ela é professora da rede municipal desde 1998, hoje atuando no Complexo Educacional Profª. Vera Lucia Pansardi Casagrande, localizado no Conjunto Henrique Alves Pereira. (Serraia), Ibiporã. O projeto foi um dos três selecionados da disciplina de Geografia.

Concorrem ao prêmio projetos desenvolvidos com alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio de escolas públicas e privadas em várias disciplinas. Ao todo, quase cinco mil projetos de todo o país se inscreveram. Além da leitura dos cases, foram realizadas entrevistas com os educadores e solicitados materiais para a comprovação dos avanços de aprendizagem dos estudantes em suas escolas.

O trabalho foi desenvolvido ao longo do ano passado com 25 alunos do quarto ano do Ensino Fundamental da instituição. O projeto propôs às crianças uma investigação científica que partiu da pergunta: De onde vem a água de nossa cidade? Com repertório fornecido pela professora e pesquisas na sala de informática, a turma construiu jogos sobre os biomas, analisou mapas e imagens, além de fazer anotações em visitas de campo. Os alunos produziram levantamentos regionais e focaram na realidade do abastecimento local. Para isso, contaram com a parceria do Sistema Autônomo de Abastecimento de Água e Esgoto (Samae) que proporcionou palestras sobre a economia de água, visitas à captação de água do Aquífero Guarani – uma das maiores reservas subterrâneas de água doce do mundo – e que abastece o município – e à Estação de Tratamento.

A compilação dos textos resultou em um livro sobre o Aquífero Guarani, lançado em dezembro de 2018, com direito a noite de autógrafos e divulgação pela imprensa do município e também em cidades vizinhas como Londrina. “Já inscrevi projetos em anos anteriores e é a primeira vez que fomos selecionados. Estou muito feliz com este reconhecimento, pois é um trabalho sobre um tema importante – a preservação das águas subterrâneas – e que só se concretizou porque muitas pessoas colaboraram. Tivemos o apoio do Samae, empresas, alunos, professores e dos pais, que ajudaram na pesquisa de campo”, ressalta a professora.

Reconhecimento e premiação

À parte de toda a atenção da mídia e de sua valorização como profissional que contribuiu para o aprendizado dos alunos, cada um dos 50 finalistas recebe uma assinatura anual do site que dá acesso à plataforma NOVA ESCOLA DIGITAL, além de outros conteúdos e um certificado de participação. Cada um dos 10 vencedores do Prêmio Educador Nota 10 ganha um vale-presente no valor de R$ 15 mil, além de todas as despesas pagas para participar de uma semana de imersão e da cerimônia de premiação, marcada para setembro, em São Paulo. O Educador do Ano, escolhido pela Academia de Jurados, recebe outro vale-presente no valor de R$ 15 mil. As escolas dos professores vencedores também ganham uma verba para a celebração.

Sobre o Prêmio Educador Nota 10

O Prêmio Educador Nota 10 foi criado em 1998 pela Fundação Victor Civita que, desde 2014, realiza a premiação em parceria com Abril, Globo e Fundação Roberto Marinho. Reconhece e valoriza professores da Educação Infantil ao Ensino Médio e também coordenadores pedagógicos e gestores escolares de escolas públicas e privadas de todo o país. O Prêmio tem o apoio da Nova Escola, Instituto Rodrigo Mendes e Unicef, e o patrocínio da Fundação Lemann e SOMOS Educação. Desde 2018, o Prêmio Educador Nota 10 é associado ao Global Teacher Prize, prêmio global de Educação. https://premioeducadornota10.org/

Mais informações : Núcleo de Comunicação Social / Prefeitura Municipal de Ibiporã (43) 3178-8440, 3178-8441
contatos: [email protected]

Texto de : Caroline Vicentini – Núcleo de Comunicação Social/PMI Com informações da assessoria de imprensa do Prêmio Professor Nota 10 e edição da Assessoria de Comunicação Integrada da AMEPAR